COLEÇÃO MESTRES DO BLUES

- Não haverá postagens o tempo todo, serão feitas na medida do possível.

- O blog é contra a pirataria, todos os links são tirados da internet. Gostou do álbum? Se possível , compre!

- Atenção: não peça sertanejo, pagode, hip hop, etc...a minha inteligência agradece.

- Aproveite para deixar seu comentário e caso tenha alguma sugestão de álbum ou artista terei o enorme prazer em pesquisar e postar.







Total de visualizações de página

sábado, 10 de setembro de 2011

Arthur Lee & Love

Março de 1966, com um disco homônimo começa a história vinílica do Love capitaneado por Arthur Lee.
Essa data serve apenas de referencia. Trata-se de um LP atemporal.

As faixas são um emaranhado de R&B, folk, rock de garagem, ótimos arranjos e harmonias.
Falando assim alguem pode achar que se trata de mais alguma boa banda dos sixties. Isso é pouco, o disco tem uma pegada agressiva em meio a todos esses temperos que o torna único.
Das 14 canções, 11 foram compostas por Lee, numa época em que os covers prevaleciam nos discos por imposição comercial das gravadoras, o que já demonstra a dissidência, que seria uma característica marcante do músico por toda a vida. Para alguns, isso teria sabotado sua carreira em termos comerciais.
Não é o melhor disco do Love, mas com certeza é uma grande estréia
Resenha: Renato Sanches (baixista da banda avareense "Encruzilhada")



LOVE




DA CAPO



FOREVER CHANGES



FOUR SAIL



OUT HERE



FALSE START



REEL TO REAL



STUDIO/LIVE



ARTHUR LEE & LOVE



VINDICATOR



BLACK BEAUTY



ARTHUR LEE



LOVE LOST


2 comentários:

  1. Eu li certa vez, não me lembro onde, que perguntaram ao Jim Morrison qual a melhor banda, na opinião dele, daquela época maravilhosa q foi os anos 60...e ele respondeu que era o Love, banda da qual se dizia muito fã! Loco né!!!! Um abraço biiicho...Rock n´ Blues sempre!!! : )

    ResponderExcluir
  2. Fala Luis. Diz a história que o Morrison antes do sucesso já era fã da banda e que apos os Doors assinarem contrato com a gravadora, Arthur Lee deu uma força para eles, ja que eram da mesma gravadora. E só por curiosidade, o Morrison tb gostava do Sinatra. Bela mistura não acha?..Valeu pela força e volte sempre..Até +

    ResponderExcluir

Postagens populares