COLEÇÃO MESTRES DO BLUES

- Não haverá postagens o tempo todo, serão feitas na medida do possível.

- O blog é contra a pirataria, todos os links são tirados da internet. Gostou do álbum? Se possível , compre!

- Atenção: não peça sertanejo, pagode, hip hop, etc...a minha inteligência agradece.

- Aproveite para deixar seu comentário e caso tenha alguma sugestão de álbum ou artista terei o enorme prazer em pesquisar e postar.







Total de visualizações de página

segunda-feira, 11 de novembro de 2019

The Standells



The Standells, foi uma banda de rock de garagem de Los Angeles, Califórnia, EUA, formada na década de 1960, que tem sido referenciada como a "banda punk da década de 1960", e que inspirou grupos como a "Sex Pistols" e "Ramones".
Eles são mais conhecidos pelo seu hit "Dirty Water", de 1966, agora o hino de várias equipes esportivas de Boston e é tocada após cada vitória em casa do Boston Red Sox e do Boston Bruins.
A banda Standells original foi formada em 1962 pelo vocalista e tecladista Larry Tamblyn, com o guitarrista Tony Valentino, o baixista Jody Rich e o baterista Benny King.
O grupo apareceu em vários filmes de baixo orçamento da década de 1960, incluindo "Get Yourself a College Girl" de 1964 e o cult "Riot on Sunset Strip" de 1967.
Os Standells continuaram tocando com uma formação variada, incluindo brevemente o guitarrista Lowell George, que tocou com Little Feat.
Fonte: Wikipedia (em inglês)

THE STANDELLS IN PERSON AT P.J.'S



DIRTY WATER



WHY PICK ON ME
SOMETIMES GOOD GUYS DON'T WEAR WHITE



THE HOT ONES! & TRY IT



RIOT ON SUNSET STRIP & RARITIES



LIVE ON TOUR 1966


segunda-feira, 28 de outubro de 2019

Frijid Pink



Frijid Pink, é uma banda de rock americana, formada em Detroit em 1967, mais conhecida por sua versão em 1970 de "House of the Rising Sun".
A formação inicial da banda incluía o baterista Richard Stevers, o guitarrista Gary Ray Thompson, o baixista Tom Harris, o vocalista Tom Beaudry (também conhecido por Kelly Green) e mais tarde acrescentou Larry Zelanka como tecladista externo.
O LP de estréia auto-intitulado de "Frijid Pink" foi lançado em 1970, assim como seu segundo lançamento "Defrosted".
Após alguns singles sem sucesso Beaudry e Thompson reformulou o grupo, com a entrada de David Alexander (mais tarde Jon Wearing ) nos vocais, Craig Webb na guitarra e Larry Zelanka nos teclados. Esta versão do grupo gravou o album "Earth Omen" em 1972. O grupo teria outra formação antes de voltar ao estúdio para gravar "All Pink Inside", de 1975, com Jo Baker nos vocais e Larry Popolizio tocando o baixo, no mesmo ano dissolveu-se.
Em 1981, Stevers e Harris uniram forças com Arlen Viecelli, vocalista/guitarrista e Ray Gunn, guitarrista, para gravar um novo álbum, no entanto, após tentativas fracassadas de negociação com várias gravadoras o grupo se desfez e o material nunca foi divulgado.
Uma outra versão da banda (sem os membros anteriores) formada em 2001, gravou o álbum "Inner Heat", em 2002, mas nunca chegou a ser lançado pela gravadora.
Entre os anos de 2005 e 2006, após outra tentativa fracassada de reunir os membros originais, Stevers começou a auditar guitarristas para a reforma da banda. Um tecladista também foi recrutado. Ao longo dos próximos cinco anos, essa nova formação tocaria uma dúzia de shows, como locais e feiras de rua, mas, sem uma administração adequada, nunca teve nenhum trabalho constante ou fez turnês. O foco mudou para a gravação no porão de um álbum, lançado em março de 2011 pela gravadora Repertoire. Este álbum é composto de versões regravadas de músicas dos álbuns anteriores do grupo e novas músicas originais. No final de 2011, o vocalista/guitarrista/engenheiro e o tecladista foram substituídos, encerrando assim a maior formação contígua da história da banda.
Um EP, intitulado "Taste of Pink", foi lançado no início de 2017, as três novas músicas apresentadas no EP foram incluídas no álbum de 2018, "On the Edge".
Fonte: Wikipedia (em inglês)

FRIJID PINK



DEFROSTED



EARTH OMEN



ALL PINK INSIDE



FRIJID PINK



MADE IN DETROIT



ON THE EDGE


segunda-feira, 21 de outubro de 2019

Moby Grape


Moby Grape, é um banda de rock americana formada na década de 1960, conhecida pela contribuição de todos os seu integrantes nos vocais e composições e que mesclava elementos de folk music, blues, country e jazz com rock psicodélico.
Devido à força de seu álbum de estréia, vários críticos consideram o Moby Grape como a melhor banda de rock a emergir do cenário musical de São Francisco no final dos anos 1960. Apesar de não lançar mais álbuns inéditos, o grupo continua a se apresentar ocasionalmente.
O sucesso do grupo foi significativamente impedido por disputas legais de décadas com seu ex-gerente, Matthew Katz. As dificuldades legais surgiram logo após a formação do grupo, quando Katz insistiu que uma provisão adicional fosse adicionada ao seu contrato de gestão, dando-lhe a propriedade do nome do grupo. Na época, vários membros do grupo estavam em débito com Katz, que estava pagando por apartamentos e vários custos de vida antes do lançamento do primeiro álbum do grupo. Apesar de objetar, os membros do grupo assinaram, com base na impressão de que não haveria mais apoio financeiro de Katz, a menos que o fizessem. Mas isso futuramente acabou prejudicando o sucesso da banda.
Fonte: Wikipedia

MOBY GRAPE



WOW



GRAPE JAM



MOBY GRAPE '69



TRULY FINE CITIZEN



20 GRANITE CREEK



FINE WINE



MOBY GRAPE '84



LEGENDARY GRAPE



VINTAGE: THE VERY BEST OF MOBY GRAPE



LIVE


segunda-feira, 7 de outubro de 2019

The Buttons

The Buttons, foi uma banda de rock brasileira formada entre os anos de 1964/65. O grupo era uma derivação do grupo "The Snakes", formado em 1963 e que era composto por: Alaor (baixo), Evandes e Carlão (guitarras solo), Milton (guitarra base) e Nelson na bateria. Tratava-se de um grupo instrumental que se apresentavam tocando exclusivamente musicas dos "The Ventures" e "The Shadows".
Com a saída de Evandes e Milton e entrando Sidney nos teclados e Carlinhos na guitarra base, mudaram o nome da banda para "Os Botões" e passaram a tocar Beatles e os sucessos das rádios nos shows e bailes. Essa formação perdurou até 1970 quando gravaram com o nome de "The Buttons" um compacto e em seguida um LP. Logo após a gravação foi a vez do Alaor sair do grupo para seguir sua carreira de empresário.
Após mudanças no line-up, o grupo mudou o nome da banda para "The Union", porém só obtiveram sucesso em 73 quando gravaram um LP com a musica Me and You já com o nome “Dave Maclean” que foi tema da novela da rede globo - Ossos do Barão.

THE BUTTONS


domingo, 18 de agosto de 2019

Plum Nelly

Plum Nelly, foi uma banda de rock psicodélico de Nova York. Eles começaram como "Creedmore State" no final dos anos 60 e mudaram o nome da banda quando gravaram seu primeiro (e único) álbum entre novembro e dezembro de 1970, lançado em 1971: Deceptive Lines. Eles se mudaram para Los Angeles em 1974 e se separaram em 1976.

DECEPTIVE LINES


segunda-feira, 12 de agosto de 2019

KGB



KGB, foi um supergrupo formado em meados dos anos 70 apresentando os músicos mais impecáveis ​​do Reino Unido e dos EUA.
O grupo era composto por Ric Grech (ex- Blind Faith, Family, Ginger Baker's Air Force e Traffic) no baixo, Mike Bloomfield (ex- Paul Butterfield Blues Band e Electric Flag) na guitarra, Carmine Appice (ex- Vanilla Fudge, Cactus e Beck, Bogert & Appice) na bateria, Barry Goldberg nos teclados e Ray Kennedy nos vocais, o grupo lançou seu álbum homônimo em 1976.
Grech e Bloomfield imediatamente desistiram após o seu lançamento, afirmando que nunca tiveram fé no projeto. O álbum não foi criticamente bem recebido.
O grupo gravou outro LP, " Motion ", com músicos substitutos antes de se separarem.


KGB



MOTION


segunda-feira, 29 de julho de 2019

Colosseum


Colosseum, é uma banda britânica de jazz-rock progressivo formada em 1968 pelo baterista Jon Hiseman, o saxofonista tenor Dick Heckstall-Smith e o baixista Tony Reeves, que haviam tocado juntos anteriormente na John Mayall & the Bluesbreakers. Dave Greenslade, no teclado, foi imediatamente recrutado, e a formação foi completada por Jim Roche na guitarra. Roche gravou apenas uma música antes de ser substituído por James Litherland (guitarra e vocais).
O Colosseum fez a sua estreia ao vivo em Newcastle e foram prontamente gravados pelo influente DJ da BBC Radio One John Peel para o seu programa de rádio Top Gear. Essa aparição rendeu a eles uma valiosa exposição e aclamação da crítica.

O primeiro álbum do Colosseum, Those Who Are About To Die Salute You, foi lançado pelo selo Fontana em 1969. O segundo álbum do Colosseum, também em 1969, foi Valentyne Suite, notório como o primeiro lançamento da Vertigo Records, o primeiro selo a contratar o Black Sabbath. A Vertigo Records era um ramo da Philips, fixada para contratar e desenvolver artistas que não se ajustavam à marca principal da Philips Records.

Dave "Clem" Clempson, egresso do Bakerloo, substituiu James Litherland para gravar o terceiro álbum, The Grass Is Greener, lançado em 1970 e somente nos Estados Unidos. Louis Cennamo então substituiu Tony Reeves no baixo, mas foi substituído por Mark Clarke em um mês, e Hiseman recrutou o vocalista Chris Farlowe para possibilitar que Clempson se concentrasse na guitarra. Essa é considerada a formação clássica do Colosseum, que em parte já havia gravado o álbum de 1970 Daughter of Time.

Em março de 1971, a banda gravou o seu concerto na Big Apple em Brighton e na Universidade de Manchester. Hiseman ficou impressionado com a atmosfera do show de Manchester, e a banda retornou cinco dias mais tarde para um concerto gratuito que também foi gravado. As gravações foram lançadas como um álbum duplo ao vivo em 1971, Colosseum Live, pouco tempo antes da banda original terminar.

Após a separação da banda, Jon Hiseman formou o Tempest com o baixista Mark Clarke; Dave Greenslade formou o Greenslade com Tony Reeves; Clem Clempson uniu-se ao Humble Pie; Chris Farlowe uniu-se ao Atomic Rooster; e Dick Heckstall-Smith embarcou em uma carreira solo.

Mais tarde Hiseman reformou o grupo como Colosseum II em 1975, com uma nova formação e que que durou ate 1978.

O Colosseum reuniu-se novamente para uma turnê em 1994, a catálise para o lançamento de um CD e DVD ao vivo, e novos álbuns de estúdio. Edições mais longas do Valentyne Suite e do Colosseum Live também foram lançadas, bem como diversas coletâneas.

A esposa de Hiseman, a saxofonista Barbara Thompson, uniu-se à banda em diversas ocasiões após a morte em 2004 de Dick Heckstall-Smith e agora é uma integrante permanente da banda.

Fonte: Wikipedia

THOSE WHO ARE ABOUT TO DIE SALUTE YOU



VALENTYNE SUITE



THE GRASS IS GREENER



DAUGHTER OF TIME



COLOSSEUM LIVE



LIVES, THE REUNION CONCERTS 1994



BREAD & CIRCUSES



TOMORROW'S BLUES



TIME ON OUR SIDE


segunda-feira, 22 de julho de 2019

Silberbart

Silberbart, foi uma banda de rock alemã fundada no final de 1969 pelo guitarrista/vocalista Hajo Teschner. Formavam a banda o baterista de jazz Peter Behrens e o baixista Werner Klug.
A banda rapidamente conquistou uma audiência fiel no norte da Alemanha sem um gerente e após algumas experiencias musicais, Teschner se viu capaz de realizar suas próprias idéias musicais pela primeira vez. Nos ensaios, Behrens competia com seus companheiros de banda para ver quem tocava mais alto, o que deu a Silberbart às vezes a reputação de ser a banda mais barulhenta do mundo.
Entre abril e maio de 1971 o grupo gravou seu único LP. As únicas quatro músicas do álbum foram gravadas ao vivo no estúdio e foram destinadas apenas como gravações demo. No entanto, a gravadora Philips assumiu as gravações inalteradas e as lançou em disco. Apesar da publicação, o grupo não foi capaz de se tornar conhecido além das fronteiras do norte da Alemanha. A banda foi dissolvida no final de 1971.
Fonte: Wikipedia (em alemão)

4 TIMES SOUND RAZING


domingo, 30 de junho de 2019

Power Of Zeus

Power of Zeus, foi uma banda de rock americana formada em 1968 pelo vocalista/guitarrista Joe Periano, a quem se juntaram o baixista/vocalista Bill Jones, o baterista Bob Michalski e o organista Dennie Webber. Inicialmente conhecido pelo nome de Gangrene, o quarteto se tornou a banda não oficial do clube Wooden Nickel, onde eles foram vistos por um gerente local. A subsidiária da Motown, Rare Earth, assinou com a banda na condição de encontrar um novo nome. Após mudarem o nome para "Power of Zeus" eles começaram a trabalhar no que seria seu único álbum lançado em 1970. Apesar de um fracasso na época, o LP tornou-se muito procurado por escavadores de raridades.

THE GOSPEL ACCORDING TO ZEUS


domingo, 2 de junho de 2019

Fire

Fire, foi uma banda de hard rock crota (ex-Iugoslávia) formada no inicio de 1973 que gravou apenas este álbum.
Eles preferiram se mudar para a Holanda, onde gravaram o álbum em inglês, porem como nenhum show na Holanda e na Alemanha resultou em sucesso, no final de 1976 eles voltaram para casa, onde gravaram um single, mas logo em seguida encerrou as atividades.
Fonte: https://murodoclassicrock4.blogspot.com/2017/02/fire-could-you-understand-me-1973.html

COULD YOU UNDERSTAND ME


domingo, 26 de maio de 2019

Argus

Argus, foi uma banda de rock inglesa formada por Dave Wagstaffe (bateria); Mick Pearl (baixo); Del Watkins (guitarra) e Ken Lewis (vocal).
A banda deixou um único registro fonográfico gravado em 1973. É composta por 5 músicas no estilo hard/rock, gravado ao vivo em 1973, num show no "Brondesbury Park", na cidade de Londres. Essas canções nunca chegaram a ser lançadas oficialmente.
As demais faixas do disco na verdade, tratam do som de outra banda (Anaconda), com fortes traços do rock progressivo e com outra formação completamente distinta, o motivo de estar compondo esse álbum junto com a Argus é a presença do mesmo baterista nas duas bandas, e nada mais.
Da mesma forma que aconteceu com a Argus, a apresentação também nunca foi disponibilizada oficialmente e ambas permaneceram inéditas até o lançamento pela gravadora Audio Archives Records, em 2001.
Fonte: https://murodoclassicrock4.blogspot.com/2018/05/argus-1973.html

ARGUS


terça-feira, 21 de maio de 2019

Dirty Tricks



Dirty Tricks, foi uma banda britânica de hard rock, formada em 1974 pelo guitarrista Johnny Fraser, o vocalista Kenny Stewart, o baixista Terry Horbory e o baterista Dave.
Após assinarem com a Polydor, Dave sai da banda, dando lugar a John Lee nas baquetas. Lee já havia tocado em importantes bandas australianas. A banda lançou três álbuns, e depois se desfez em 1977.
Após a separação, eles formaram a banda de apoio para Ozzy Osbourne, que recentemente havia saído do Black Sabbath, no entanto, Osbourne voltou ao Black Sabbath o que decretou o fim do grupo.
Em uma jogada surpresa, a banda retornou com um novo álbum em 2009 (lançado apenas para o iTunes).
Fonte: https://murodoclassicrock4.blogspot.com/2017/01/dirty-tricks-discografia.html


DIRTY TRICKS



NIGHT MAN



HIT & RUN